sexta-feira, 27 de abril de 2012

Ação do MP questiona índice crescente de doenças mentais entre professores

 

O promotor de Justiça Vilanir de Alencar Camapum Júnior, da Promotoria da Saúde do Trabalhador, concederá entrevista coletiva amanhã (27/4), às 11 horas, na sede do MP-GO (sala S-16), para esclarecer os pedidos feitos em ação civil pública proposta contra o Estado de Goiás que requer providências para frear a ocorrência de índices crescente de doenças mentais entre professores da rede estadual de ensino.

Conforme adianta o promotor, é necessário que sejam implementadas medidas de prevenção ao adoecimento dos servidores estaduais, detectados pela própria Gerência de Saúde e Prevenção da Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan). (Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

Nenhum comentário:

Postar um comentário